domingo, março 18, 2007

Março de 2007


«Deixem-me só com o dia.

Peço licença para nascer»


Pablo Neruda










Fotos de Cibele


9 comentários:

naturalissima disse...

o renascer da vida... que frescura e que fotografias belas...
vejo aqui um talento de imagem, Cibele.
Enquadramentos bem feitos, instantes registados com sensibilidade.

Desejo uma bela semana para as duas meninas.
Daniela

Isabel disse...

O deslumbre... é aqui!


Lindo!


Isabel

vidavivida disse...

Cada vez mais mostras o teu talento natural e apaixonado pela fotografia.
Vai em frente e em força Cibel.
Um grande beijinho.

M. disse...

Cheira bem aqui.

bettips disse...

Belo, acenas com flores, amores, fotografias antigas... amo as tuas flores. E palavras, sim! Aparecemos, assim, de tanto mundo vivido...Bjinho

Quem Não Tem Cão disse...

daqui de Londres bjos para a cibelinha e para a mae... sao lindas! e as flores tambem. :o)

Pingo com sabor a cha ingles

Isabel disse...

Vim vê-las de novo, estou encantada com as vermelhas... é a minha cor favorita...
Tão cheias de vida e de luz as tuas flores.

Estou mesmo encantada!

Isabel

Rocha de Sousa disse...

Para Jawaa: gostei imenso que tivesse comentado com tanta peopriedade conhecimento, e um poder de síntese que eu não tenho,
a bela figura (vida, sonho,afectos)
do Pessanha, nesta iniciativa do V.
Belém. E também me senti compensado
com a seriedade e entendimento das
coisas no caso de «Petulância» Como
já não há tertúlias nos cafés as potencialidades deste contacto seria compensadora se se trocassem
impressões mais em profundidade.
Também gostei muito das fotografias
de flores: ao contrário do que às vezes acontece, a sequência não se
macula, refloresce. Cibele é a sua
filha ou estou a imaginar?
Obrigado pelas palavras e pelas primaveris imagens.
Rocha de Sousa

TINTA PERMANENTE disse...

Não são fotografias; são sensibilidades!...